Início > Brasil > Rio de Janeiro – HeLLLLLLLLLP !

Rio de Janeiro – HeLLLLLLLLLP !

Estou com a idéia LOUCA de conhecer o Rio de Janeiro já faz um bom tempo !!! o que sempre me travou foi um pouco de receio talvez medo – o que posso chamar de “medo paulista” ..rsrs…é, ando pela 25 de Março de bolsa,carteira, pelo Brás,passo pela Estação da Luz de bolsa, e receio conhecer o Rio…rsrs…muito bobo,né ?mas é que Sampa a gente tá acostumada né ? …. não aparenta perigo e eu nem penso nisso aqui. Mas o Rio… ai ai…

Além do mais, cansei. Cansei de dar sempre a mesma resposta quando estou no exterior e me perguntam sobre o Rio de Janeiro. “humm…eu não conheço o Rio” ..

Quero conhecer o Rio, a cidade maravilhosa ! não sei ainda quando vou, não há nada concreto ainda , mas como não é do outro lado do mundo, e o vôo é chamado de “ponte aérea”, não há muito o que planejar. O que quero são sugestões !!!!

Sugestão de passeio, dicas de viagem no Rio, dicas corriqueiras, sobre onde devo ficar, onde devo ir, que transporte público pegar (se precisar ),onde devo comer, o que devo me preocupar, quais são os cuidados…

alguém no Rio, please !?

HELP !!!!! Rio calling !

1 – Em qual lugar do Rio é melhor se hospedar ??? ( Ipanema, Copa, etc..  ? )

2 – andar com bolsa, mochila ? câmera fotográfica ?  celular ? alguma dica de segurança  ?

Estou planejando ( e tomando coragem ) para ir ao Rio em março de 2013


Anúncios
Categorias:Brasil
  1. Lene
    31 de agosto de 2014 às 11:36 PM

    LuRussa, você é uma bairrista preconceituosa, só que faz UM ENORMEEEEEE esforço para disfarçar, e não conseguiu. Vi as respostas que deu sobre os que não te recomendavam vir pro RJ. Qual capital brasileira é segura? Qual?

    • 1 de setembro de 2014 às 9:36 AM

      nossssaaaaaaaaaa até me cansei só de ler esse ENORMEEEEEEEEEEEEEE esforço que vc citou aí acima…kkkkkkkkkkkkkkk …

  2. 4 de janeiro de 2013 às 2:50 PM

    Gata, eu te admiro MUITO, meu sonho é fazer metade do que vc já fez por esse mundão afora, dei uma passada breve aqui no seu blog pq no trabalho não estava mais conseguindo abrir wordpress..ae me deparo com esse post, po se vc não fosse paulista, até entenderia seu receio, mas paulista ter medo de vir para o Rio é meio louco né?! Infelizmente tanto cariocas quanto paulistas são um povo acostumado com a violência.
    Nem estou te julgando não, é só uma opinião: se joga! Vc mora no interior né?! É muito diferente da capital (conheço bem São Paulo capital…) te garanto que vc não vai encontrar nada aqui além do q já está acostumada na capital de SP, a diferença é que aqui é BONITO, lindo de viver, hehehe…
    Se eu fosse vc ficaria em Ipanema, Leblon, Leme…não aconselho Copa pq é o foco, é muito cheio sabe?!
    Não deixe de ir: – Lapa na sexta (só tome cuidado, pq lá tem muita pivetada, nada de desfilar de câmera e tenha sempre umas moedas para ‘doar’ p/ ng te encher o saco) e tb tem muitos hippies vendendo coisas, vc com essa cara de gringa com certeza devem te abordar, mas vendedores de rua é uma coisa q vc deve estar mega acostumada das viagens); Corcovado (Cristo); Pão de Açúcar, por do sol no Arpoador, se tiver afim de uma aventura: pule de parapente da Pedra da Gávea, e claro, aquele choppinho na orla! Já escrevi muito né? Dicas não irão lhe faltar!!
    Desculpe se pareci meio “entrona”, mas eu sou daquelas cariocas da gema chatas e super bairristas, sou pior que gaúcho no quesito amor à terra, kkkk
    To louca te acompanhando no Insta, cada foto perfeita *_*
    Beijoos e venha conhecer a cidade maravilhosa, vc tem malícia de quem viaja o mundo todo, tenho certeza q mesmo q tenha problemas por aqui, vc tira de letra 😉

  3. Natalia
    24 de dezembro de 2012 às 11:07 AM

    me escangalhando d rir com os cometários terroristas. Esse pessoal tá d sacanagem né? Não é possível!!! kkkkk. Colete a prova d bala no Cristo? Subo o Cristo toda semana, pois além de professora sou guia d turismo, semana passada quase fui atingida mas não por bala perdida mas por um raio, kkkk, chovia mt, e caiu um raio, mas nem d perto atingiu a mim e meu grupo pois tem pára raio e tal, e nós descemos imediatamente. Dentre as dicas esta ver o por do sol no Arpoador e tomar banho d lua na praia do Leblon, e se gosta d história faço um roteiro especial pra vc. Tire um dia para conhecer Petropolis, um a cidade a 1 hora do Rio na região Serrana, linda, cidade Imperial, é linda e vc foge por um dia do calor carioca, vc vai e volta no mesmo dia, otimo para compras d roupas tb! Lu acompanho seu blog desde 204, parei um tempo e hj dei uma olhada e vi o post do Rio tive q comentar. vamos trocar figurinhas e passear pelo Rio juntas nataliahistoria@hotmail.com
    bj e feliz natal

  4. Natalia
    24 de dezembro de 2012 às 10:41 AM

    Lu q isso! Assim vc ofende minha cidade maravilhosa! Eu como vc viajo pra caramba! A primeira vez q fui a SP não conhecia nada, fui com uma amiga q menos conhecia (eu sou sempre a amiga sabichona nas viagens) me metia em td q era buraco até foto da cracolândia, q ainda não tinha no Rio em 2010, mas tinha em Sampa desde d q o mundo é mundo é mundo (brincadeirinha), eu tirei. Um dia na 25 de março bateu um desespero q nunca bateu no Saara, e ai pensei ah não! fui embora, mas voltei outro dia e td deu certo, cheio e tumultuado e eu feliz com minhas muambas. Aqui no Rio é maravilhoso! tem d td! Vc q ama vida cultural, gastronomia, praia, balada, moda, vai se deliciar. Fique em Copa perto do metrô, pois vc faz td d metro e neste bairro tem bus para todos os lugares, além d taxi e facil acesso para os lugares mais bonitos Ipanema, Leblon, Jardim Botânico, Urca.
    Inacreditavel vc conhecer o mundo e nao conhecer o Rio eu nao conheço o mundo como vc, mas viajo mt e conheço Sâo paulo, então pára d bobeira e vem logo!
    bj
    Nati

    • 24 de dezembro de 2012 às 12:18 PM

      do que vc está falando ???????????????? eu estou aqui, pedindo dicas para ir ao Rio por que sempre quis conhecer, vc está dizendo que EU estou ofendendo sua cidade ??? HELLO ?

  5. Monique Cabral
    23 de novembro de 2012 às 9:41 AM

    Lu! Sou carioca da gema! Nasci e cresci no suburbio e trabalho num dos locais mais lindos da cidade, IPANEMA! Te aconselho a ficar em Copa de preferencia pertinho do metro… Dá pra ir a quase todos os locais atraves dele e do sistema de integração. Sobre carioca ser malandro, nunca fui assaltada, estuprada ou assassinada (afinal não sou uma alma sem corpo rsrs). Acho legal fazer os passeios convencionais cristo, arpoador, ipanema, e até mesmo floresta da tijuca. Mas não esqueça do Jardim Botanico, Parque Laje e a Colombo no centro. Hoje o Rio vive um sistema de ocupação das favelas e morros, então, sinto muito informar que você não vai encontrar um bandido de fuzil andando pra baixo e pra cima por aí e vendendo pó de 10 e pó de 15 rsrsrs. Hoje o que é periogoso no Rio são os arredores da Av. Brasil, mas não por bandidos, mas por viciados (os cracrudos). No mais, pode vir tranquila e aproveitar bastante. Carioca ama turista, adora dar informação e dar dicas! Se ficar com medo de perguntar na rua, entra na banca de jornal e pergunte ao jornaleiro ou ao guarda municipal!
    Sobre o metro, veja no site http://www.metrorio.com.br/.
    Beijocas

  6. Roberta
    22 de novembro de 2012 às 10:25 AM

    Não li todos os comentários, mas não vi ninguém te sugerindo um passeio na Ilha Fiscal, local onde se realizou o último baile do império. É fácil de chegar, preço acessível, a visita é guiada e muito bonito! No mais, todos os outros lugares são muito bacanas. Quando eu fui lá (fiquei 10 dias), andei de táxi somente 2 vezes (pra voltar da Lapa até o Botafogo, a noite) e, no mais, fiz tudo de metrô e ônibus. E a única coisa que fiz através de empresa de turismo foi ir até o ensaio da Mangueira, que é imperdível! O resto, mapinha, internet, rasteirinha, água e festa! Ah, como meu irmão mora no bairro Botafogo, aluguei um kitnet no prédio dele, por temporada… bem tranquilo.

  7. 15 de novembro de 2012 às 11:11 PM

    Me diverti horrores com os coments aqui, Lu!! Ri demais! Que povo exagerado, meus deus! =P

    Bem, quem vão sozinha ao Marrocos não vai ter medo de Rio da Janeiro, né?

    Enfim, como já deram todas as dicas, a única coisa que posso dizer é que se você Tá na dúvida entre Leblon é Ipanema, escolha Ipanema, que é mais legal, mais próxima ao metrô é menos nariz empinado (só um pouquinho menos!)

    Ah, e não deixe dei it ao Saara, é muito louco! =D

    Beijos é vou continuar de olho nos coments muito doidos do povo aqui! Hahahaha!

    Lidia.

    • 16 de novembro de 2012 às 10:43 AM

      fora e-mails aterrorizantes que recebo de CARIOCAS …. pode ???

  8. 15 de novembro de 2012 às 6:03 PM

    Oi Lu! Estou há dias me divertindo com todos esses comentários sobre o Rio e só hoje consegui terminar para finalmente fazer os meus! É cada uma…rsrsrsrs

    Se sobrou alguma coisa? Acho que nadica!
    Acho que só não vi ninguém te indicando dar uma passadinha no Parque Lage quando for ao Jd Botânico (é quase ao lado!). Além do parque – claro – tem uma construção belíssima onde funciona uma escola de artes. Dentro dessa escola, um café super charmoso, onde se disputa a atenção dos garçons a tapa, mas que vale a pena pelo brunch maravilhoso. Quer saber? Dependendo da vibe sou mais um piquenique nos jardins do Lage do que um passeio no Jd Botânico. Pronto, falei! rs

    Ah! Outra coisa que não vi por aqui foi indicações para o Parque da Catacumba, que tem uma trilha lindinha e fica perto da Lagoa.

    É tanta coisa boa para se fazer…Estou aqui há um ano e não fiz quase nada! Quantos meses você pretende passar aqui? rsrsrsrsrs

    No mais, endosso tudo o que a galera já comentou sobre segurança sem neurose e sobre o Rio ser muito mais tranquilo do que você está imaginando.

    Super beijo!

  9. Daniela
    13 de novembro de 2012 às 8:00 PM

    Oi, conheci seu blog neste exato momento.
    Sou carioca, moro na Gávea (perto do Leblon, Jd Botânico). Tenho 38 anos, e nunca fui assaltada. Ando de ônibus diariamente, ando muito a pé pelas ruas da minha cidade.
    Claro que existe violência, como em muitas outras metrópoles do mundo…mas tomando os cuidados necessários você vai ver que o Rio é uma cidade realmente maravilhosa. Copacabana, Ipanema, Leblon, qualquer um é ótimo para se hospedar! Não deixe de ir à Feira Hippie que acontece em Ipanema todos os domingos. No Forte de Copacabana tem uma filial da Confeitaria Colombo, a mais tradicional confeitaria da cidade.É uma delícia tomar uma café admirando a praia de Copacabana…pôr do sol no Arpoador…alugar uma bicicleta na praia (aos domingos, uma pista da orla fica fechada para lazer) e pedalar por toda a orla (típico programa de carioca), pedalar pela Lagoa…Ir à Vista Chinesa, para ver a cidade do alto (aqui, não vá sozinha. Existem empresas que fazem este e outros passeios). Venha sim…vc vai gostar!!!!! Dani

    • 13 de novembro de 2012 às 9:40 PM

      Oi Dani ! eu vou sim, pode deixar !! 🙂 obrigada pelas dicas..

  10. 13 de novembro de 2012 às 3:08 AM

    Amore! Séculos que não passo por aqui. Enfim, de Rio eu entendo (até casei com um carioca!), me manda teu e-mail que te mando uma bíblia falando de alguns lugares não usuais que só carioca conhece! Beijos fófis! BTW…..acabei de comprar minhas passagens para a primeira viagem para a Europa. No roteiro? Madri – Barcelona – Paris – Lisboa. Vou no finalzinho de janeiro e passo 15 dias por lá. Estou felicíssima! Beijos!

    • 13 de novembro de 2012 às 9:31 AM

      olá querida ! q surpresa boa. Vc vai amar Barcelona !!! obrigada pelo comment, bjosss

  11. Julia
    11 de novembro de 2012 às 8:57 PM

    Oi Lu! Adoro o blog e fiquei feliz de saber que você resolveu vir conhecer o Rio.
    Primeiramente queria “responder” alguns dos comentários que li aqui, sobre você ser maluca que querer vir pra cá sozinha, e que você vai ser assassinada e sei lá mais o que. Olha, não vou dizer que o Rio de Janeiro é uma cidade super tranquila e que você não precisa se preocupar que nada vai acontecer de maneira alguma, mas as pessoas fazendo esses comentários tão extremistas demais, e provavelmente nem conhecem o Rio direito. Moro aqui desde que nasci e nunca fui assaltada, e ninguém que eu conheça aqui sai todo dia de casa com medo de não voltar mais. É claro que é preciso tomar cuidado, é uma cidade grande e existem sim assaltantes, mas não há motivo pra desespero também. Evite andar pelas ruas e pegar o ônibus com celular ou câmera fotográfica na mão (muitas pessoas andam com celular tipo iPhone bem a vista aqui e nunca foram assaltadas, mas aí também é questão de sorte), principalmente se você tiver tipo andando pelo calçadão a noite sozinha, por exemplo. Procure andar pelas ruas principais, mais movimentadas, e eu diria que andar de bolsa seria melhor, mas se preferir mochila também não tem problema. Tome cuidado nos locais turísticos porque ninguém é bobo e quem quer roubar sabe aonde os turistas estão, mas também não precisa ficar paranoica olhando pros lados com medo de tirar a máquina da bolsa pra tirar uma foto. Essas são coisas normais pra quem mora aqui, não só pra turistas, e tenho certeza de que você que já viajou o mundo inteiro sozinha, não vai ter problemas pra se virar. Ninguém aqui sai pela rua com uma Nikon profissional pendurada no pescoço, aí chegam uns japoneses assim na praia sem medo algum de serem assaltados… Então é só tentar não chamar muita atenção, e claro, aquelas coisas de sempre, não sair andando por becos escuros de madrugada sozinha, etc.
    Sobre localização, acho que o melhor lugar para se hospedar seria Copacabana ou Ipanema (ou até Leblon, mas zona sul com certeza, pra facilitar a sua vida). É muito fácil se locomover pela cidade de ônibus e/ou metrô, evite os táxis se possível (o que é praticamente sempre) já que claro, saem mais caro.
    Tem tantos lugares pra conhecer no Rio! A praia de Copacabana, com um passeio pela orla e uma parada nos quiosques do calçadão, o Corcovado, Pão de Açúcar, Santa Tereza, o Jardim Botânico, a Lapa, o forte de Copacabana, o Saara ou Rua da Alfândega (tipo uma 25 de Março), o Centro Cultural do Banco do Brasil (que está sempre tendo as mais variadas exposições), a Lagoa Rodrigo de Freitas, o Museu de Arte Moderna (e vários outros)… Quaisquer outras dúvidas é só perguntar que tenho certeza que todos os cariocas que leem o blog terão prazer em ajudar 🙂

    • 11 de novembro de 2012 às 9:56 PM

      ai que tudo, Júlia !!! adorei seu comentário 🙂 muito obrigada mesmo ! estou bem animada com essa viagem e sempre gostei dos cariocas. bjos

  12. Allana Araujo S. Oliveira
    10 de novembro de 2012 às 5:54 PM

    Oie Lu, sou de Ji-Paraná no estado de Rondônia. Fui ao Rio em abril e amei. Tenho uma prima que mora ai, hospedagem ficou fácil, mas pensa, sair de uma cidade de 100 mil habitantes para ir para o Rio de Janeiro com outra prima (não a que mora no Rio, uma prima minha daqui foi comigo).
    Pois é, fui sem medo, afinal, tinha uma referência ai. Mas, minha prima é médica, trabalha de segunda a segunda, sem tempo. Me buscou no aeroporto, me levou para o apartamento dela, me deu um chip local e a chave do ap e me mandou me virar. rsrs
    Então, eu e a minha outra prima, que foi cmg, andamos o Rio de cima para baixo. Os taxistas, as pessoas, parece que todos são preparados para receber o turista.
    Tomei aqueles cuidados básicos, fui com uma bolsa transversal, e sempre deixava na frente. Evitava andar com câmeras e celulares na mão, só tirava a câmera naqueles lugares cheios de turista, tipo o Cristo, pão de açúcar.

    No primeiro dia nós conhecemos o centro do Rio que é cheio de história da época que a capital do país era lá. Conhecemos teatros, biblioteca, o SAARA que é tipo a 25 de março, lapa de dia(não tem nada), o bairro da glória, o jardim botânico e terminamos o dia na lagoa Rodrigo de Freitas.
    No segundo dia fomos para Búzios, tem passeios ótimos, eles buscam no hotel e deixam no hotel tb, com direito a almoço incluso.
    No terceiro dia fizemos um passeio de barco saindo de Niterói até as ilhas cagarras, fizemos mergulhos. O barco nos deixou na marina da glória de lá fomos para as famosas praias, neblon, ipanema e copacabana. Ipanema é lindo, amei!
    No quarto dia ficamos em casa mesmo, precisávamos descansar. Só fomos à praia e saímos a noite para Lapa, muitos bares bacana, gente de todo o tipo.
    No quinto dia fizemos os passeios tradicionais, cristo e pão de açúcar.
    No sexto e último dia pegamos uma praia em ipanema, fizemos a mala e voltamos para Rondônia. rsrs

    Voltei querendo morar no Rio, até achei um curso para fazer lá, por 3 meses, mas infelizmente não deu certo. Quase não curte a noite carioca, minha prima que foi cmg é evangélica, não gosta de balada e a outra, bem, ela trabalhou todos os dias que estive lá.

    No final eu já me sentia muito bem vinda, como se conhecesse a cidade e não tinha mais medo. Mas sempre evitava andar com muito dinheiro, sacar dinheiro em caixa eletrônicos que não fosse em shoppings ou mercados. Essas cosias.

    Adorei seu Blog, amo viajar e se tudo der certo ano que vem vou para Europa. Espero que aproveite o Rio, você vai amar, a gente se sente mais brasileiro quando vai lá.

    Allana.

    • 10 de novembro de 2012 às 6:13 PM

      Oi Allana !!! super obrigada pelo seu depoimento aqui sobre o Rio, e também por ter visitado meu blog !!! estou muito animada para ir ao Rio, pelos comentários aqui, com certeza vou amar !! bjoss e volte sempre

  13. Robson
    6 de novembro de 2012 às 11:14 PM

    Olá Lu, assim como você, sempre tive o receio de ir ao RJ e perdi este receio agora em Julho quando fomos para um casamento lá no centro do Rio.
    Ficamos em um Hostel show de bola chamado zbrahostel, localizado no Leblon e super frequentado por pessoas de vários paises, o hostel é top, da uma olhada no site e a localização, nem precisava ser melhor, o Leblon é um dos melhores lugares para ficar.
    Fomos conhecer o Cristo ônibus de linha, normal, tudo muito bem identificado e a dica é para você subir de Van ao Cristo, pois de trenzinho a fila é enorme e você não tem as paradas que o pessoal da Van realiza.

    Ah, outro detalhe, não fomos de avião e sim de Expresso Brasileiro, kkkkk.

    Abração e boa sorte.

    Robson e Flávia (da viagem da Bolivia)

    • 10 de novembro de 2012 às 6:11 PM

      Robson !! super obrigada pelas dicas…vou ver esse hostel no google…realmente, pretendo ficar no Leblon ou Ipanema…bjão !!

  14. Alessandra
    6 de novembro de 2012 às 11:07 PM

    Mas minha alma sempre canta, quando vejo o RJ!!!

  15. Alessandra
    6 de novembro de 2012 às 1:01 PM

    Então, sou uma paulistana meio as avessas, amo o RJ e não tenho nada contra os argentinos tb!1 rsrsr, alguns diriam que tenho problemas e eu digo que não tenho nada contra ninguém até que me provem ao contrario rsrs.

    Fui para o RJ duas vezes e fiquei em 2 albergues diferentes: o primeiro em Copacabana e o segundo esse ano na favela do Vidigal, confesso que senti um baita medo de ficar nesse, mas pensei cá com meus botões, os gringos vem pra cá e ficam lá de boa, pq não posso tb?! e devo dizer que não me arrependi nenhum um pouco, galera do albergue muito legal e nos sentimos na casa de um conhecido, muito bom mesmo, Na época que fiquei tinha um portugues e um espanhol na recepção e eles que davam as dicas do que fazer na cidade rsrsr.

    Não deixe de ir a Sta tereza, Lapa, Pão de Açucar, Cristo se tiver com pouco tempo, são lugares imperdiveis.

    Ainda tenho uma linda do que fazer no Rj qdo voltar rsrs

    Os albergues são esses aqui:https://www.facebook.com/pages/Bamboo-Rio-Hostel/230773720313996?ref=ts&fref=ts

    https://www.facebook.com/vidigalbergue.hostel?ref=ts&fref=ts

    E uma boa viagem!!!

    • 6 de novembro de 2012 às 1:25 PM

      ai q engraçado !!!! eu jurava q vc fosse carioca !!! nunca pensei q vc era daqui..rs…

      • Alessandra
        6 de novembro de 2012 às 11:05 PM

        Então Lu, meu DNa foi trocado em algum lugar!!! rsrsrrs

        Sou de São Caetano mesmo, affff!!!

  16. 5 de novembro de 2012 às 1:57 PM

    PS: vou ficar na Pousada Bonita (que é realmente muito bonita, pelas fotos) em Ipanema.

    • 5 de novembro de 2012 às 2:07 PM

      aii que ótimo, Brunna !!!! ficarei aguardando pelos seus comments….

  17. 5 de novembro de 2012 às 1:55 PM

    Lu, estou indo em janeiro, aí vou poder te falar melhor 🙂

  18. 5 de novembro de 2012 às 9:15 AM

    Adoro o Rio! Vá sim, e vá sozinha que não tem problema nenhum. É uma das cidades mais bonitas que conheço. 🙂

    Segurança: é igual a qualquer outra cidade grande do país. Moro em Fortaleza e vou ao Rio todo ano, tenho mais medo de andar a pé aqui do que lá. No Rio ando muito, e ando sozinha. Uma bolsa a tiracolo é uma boa. Pode levar uma máquina normal, eu sempre ando com a minha para todo lado. Os cuidados são os mesmos que você teria em qualquer outra cidade, eu só ficaria um pouco mais atenta nos pontos mais turísticos como o Pão de Açúcar e o Corcovado.
    Transporte: o transporte público do Rio é muito bom, na maioria das vezes se pega só um ônibus para os lugares e o metrô serve bem os pontos turísticos. Uso ônibus para tudo quando estou lá, inclusive ando de noite (até meia noite). Taxi é uma ótima opção se você estiver com pressa ou voltar de madrugada, não é caro, mas lembre de sempre pedir o taxímetro ligado.
    Minha dica: no Rio tem aquelas bicicletas de aluguel que você pega num ponto e devolve em outro, o Bike Rio – use! Essas bicicletas são ótimas, a orla tem ciclovia e é possível ir a vários lugares com a bicicleta. É barato, acho que 5 reais o dia e 10 reais o mês. Usei muito da última vez que fui, e as pessoas (os locais) usam mesmo. Só não ande no aterro do Flamengo durante a semana (é um pouco perigoso), no domingo é ótimo.
    Onde Ficar: zona sul. Ipanema é o melhor lugar, mas eu gosto muito de Copacabana. Em Copacabana deve ter mais opção de hostel (o único que conheço é o Che Lagarto), de padaria, de restaurantes, etc. Tenho um amigo que ficou no Copa Hostel e gostou.
    O que fazer: Além de tudo que já disseram nos outros comentários, eu acrescentaria um dos meus lugares favoritos do Rio – o Forte do Leme. A vista vale a subida. A praia é boa em quase toda orla, e gosto de ir no Leme que é mais tranquilo, mas se você quiser um ponto mais badalado com gente bonita eu iria no posto 11 no Leblon (não é tão cheio quanto o 9 em Ipanema). Gosto muito do Parque Lage (vizinho o Jardim Botânico) e de andar na pista Claudio Coutinho no pé do Pão de Açucar. Não deixe de visitar o centro da cidade, é lindo, cheio de história.
    Comer: Em Copacabana tem a Pão e Companhia que tem um café da manhã muito bom e a Guerin com guloseimas francesas deliciosas. No Jardim Botânico tem a La Bicyclette ótima para um lanhe depois de passear no parque. Na Urca, o clássico Bar Urca com ses pastéis e salgadinhos para comer na mureta com uma cervejinha (o restaurante também é muito bom).

    Tenho certeza que você vai adorar.

    • 5 de novembro de 2012 às 9:29 AM

      obrigada, Karine !!! amei todas as dicas !!!

  19. 4 de novembro de 2012 às 4:44 PM

    Ai Lú pra falar a verdade eu morro de vontade de morar no Rio!!! morar pertinho da praia, pra poder caminhar todos os dias depois de dar várias aulas… Mas o More não quer, pq já morou lá =/

    Beijinhos.

  20. Chris
    16 de setembro de 2012 às 4:11 AM

    OOii meu anjo…lha aqui no rj vc nao precisa se preocupar quanto a qestão segurança;;;e a cidade élinda vc vai amar…as pessoas sao bem simpaticas e etc…tem varios lugares legais pra vc visitar e a night é otima varios lugares tmbm!
    Me contate se quizer saber mais informações e posso ser seu guia por aqui tmbm…moro desde pequeno e costumo frequentar barzinhus (eu amo) e baladas legais sem contar que faço trilhas e escaladas…euamo aventuras!
    meu msn é angel_valtiel@hotmail.com
    Meu cel é 21 92484905
    Meu nome é Chris
    Beijao!

  21. Jonny
    9 de dezembro de 2011 às 2:41 PM

    Não vá!
    Vou dizer somente dois motivos para que você não perca o seu precioso tempo vindo visitar o Rio de Janeiro:

    1 – O Turismo aqui é o Turismo Sexual.
    2 – Você corre o risco de não sair viva da cidade por zilhões de motivos…

    Sou carioca da gema, estou quase saindo do Rio… Já vivi aqui por 51 anos.
    Desde os anos 80 deixamos de ter qualidade de vida.

  22. Ricardo
    6 de novembro de 2010 às 2:17 PM

    Já tive amigos e até parentes que moraram temporariamente no Rio, mas NUNCA fui lá. É uma cidade que não me atrai. Dos cariocas que tive contato no trabalho, fiquei com má impressão – metidos a malandros, descumpridores de horários (coisa que eu odeio) – quem sabe por isso que fiquei com um pé atrás quanto à cidade.
    Enfim, prefiro conhecer o Nordeste.

    Ricardo, gaúcho e colorado
    P.S.: desculpem, cariocas, nada contra quem gosta do RJ.

  23. Nathália
    27 de outubro de 2010 às 2:00 PM

    Lu, tudo bem? Cheguei aqui no seu blog sem querer, mas já adorei. E fiquei toda empolgada vendo que você quer vir visitar o Rio.

    SEGURANÇA
    O Rio é uma cidade como outra qualquer no quesito segurança (até respondi o comentário de alguém que falou horrores sobre a cidade): se você não der “mole”, consegue sair intacta. Sou carioquíssima “da gema” e NUNCA fui assaltada. Já fui visitar amigos em favelas e nada aconteceu com a minha pessoa. Claro que não vou dar as caras nesses lugares em plena ‘guerra’, mas quando está tudo certo (na maior parte das vezes) visito a galera. Então a dica mais importante sobre segurança é: NÃO DAR “MOLE”. Simples assim. Na dúvida é só observar como as pessoas fazem. Ninguém abre um laptop dentro de ônibus ou fica mexendo no smartfone à 3:30h da madruga sozinha enquanto volta pra casa. Básico e simples assim.

    TRANSPORTE
    O táxi é caro. Entretanto, dependendo da onde você for e que horas está voltando, é a melhor opção. Durante o dia use e abuse (/c&a) do transporte público e dos seus pézinhos. Ônibus tem às pencas e metrô, apesar de estar meio confuso, é bastante funcional – principalmente porque rola as integrações que facilitam a vida de qualquer cidadão. À noite também dá pra ir de ônibus/metrô pros lugares. Lapa, por exemplo, só de busão mesmo. As ruas principais ficam fechadas pros veículos e você gastará uma fortuna se for de táxi. O metrô fica um pouco distante.
    CUIDADO: taxistas têm a mania de se acharem espertos. São simpáticos, mas muitas vezes acham que são malandros. NUNCA aceite preço fechado. TAXÍMETRO SEMPRE!

    NIGHTS (ou baladas)
    Há uma infinidade de lugares para todos os bolsos e gostos. De Lapa a Taj Lounge. De ensaio de escola de samba a Nuth Lagoa. Então é se jogar nos sites de nights e sair escolhendo o que faz a sua cara. Claro que existem lugares “obrigatórios” como:

    _Lapa: melhor lugar do Rio pra se ver de um tudo. De reggae a samba, passando por house e funk – você esbarra com todas as tribos num só lugar. Tem o ‘depósito’ onde a cerveja custa R$1,20 / R$2 e a Ice R$3 / R$5. Tem os ambulantes que vende duas (cervas) por R$5 e as barraquinhas com os drinks (recomendo a barraca fluorescente que tem copos de 700ml de caipfruta por R$7) e comidinhas. Muita gente não bebe/come porque tem um certo ‘eca’. Se você não tiver frescura, escolha o lugar mais ‘bonitinho’ e se jogue sem medo de ser feliz! Aqui existem vários lugares pra se conhecer: Carioca da Gema, RioScenarium, Circo Voador, Fundição Progresso… Nos dois últimos sempre tem uns shows bacanas e rola meia entrada. Se você tiver carteirinha ou flyer (os sites disponibilizam), aproveite. Eu sou suspeita pra falar porque amo esse lugar!

    _Samba: se você gosta, precisa ir num. Seja ensaio de escola de samba (que já começaram) ou uma night que toque isso; não importa. A Casa Rosa tem roda de samba todo domingo a partir das 18h. A Cobal do Humaitá também.

    _Boates: quase não frequento por não gostar muito. Tem umas que bombam: Taj Lounge e São Nunca (Barra), Nuth Lagoa e Boox. Tem mais, com certeza, mas como disse, não conheço muito. Aviso: não costumam ser baratas. Só que sempre rola uma ‘lista amiga’ que faz toda a diferença. R$5 aqui, R$10 acolá já pagam uma bebida, né? =]

    PASSEIOS
    Pão de Açúcar, Corcovado, Santa Tereza, Urca… É uma infinidade de lugares pra se conhecer. Recomendo um passeio de saveiro onde você conhece a Ilha Fiscal e outras prais do Rio. Uma visão única! Preciso dizer que tem que ser num dia ensolarado? Aliás, sol é um item necessário aqui no Rio. Claro que existem mil coisas pra fazer quando o tempo está chuvoso, mas se estiver ensolarado, os cariocas agradecem.

    HOTÉIS/HOSTELS
    Está na moda hostels. Existem vários na cidade. Aconselho a ficar na Zona Sul, pois assim fica fácil você ir e vir pra qualquer lugar. Infelizmente não tenho indicação de nenhum, mas aconselho a confirmar se aceitam brasileiros (alguns só aceitam turistas estrangeiros! absurdo!).

    Bem, por ora é isso. Quqlaquer coisa, é só entrar em contato, ok?

    Beijos,
    Nathy*

  24. Teca
    25 de outubro de 2010 às 12:02 PM

    Lu.. amo vc de paixão.. amo seu blog, leio ele sempre, mas fiquei muito triste ao ver essa declaração dessa pessoa ” bem mais velha e experiente ” sobre o Rio… e ainda mais ver vc reproduzi-la aqui..
    Eu já fui milhões de vezes a São Paulo sozinha e tranquilamente, sou do Rio e não tive medo de ir à São Paulo, mesmo sabendo que o estado é infinitamente mais violento que o Rio..
    Acho que se vc vem com esse pensamento é melhor nem vir.. mesmo!

    O Rio é violento… SIM! Mas tanto quanto qualquer outra cidade grande.. entendo que em nenhuma cidade grande do Brasil a gente possa ficar dando mole de bobeira na rua… eu fui a pouco tempo em Minhas ( BH ) para uma reunião de trabalho, e na horado almoço sai com umas amigas para dar uma volta pela cidade e minha amiga teve a bolsa roubada por um pivete…

    Enfim, Lu.. dei minha opinião, pois me sinto a vontade aqui no seu blog para isso..

    Espero que vc venha ao Rio e tire essa má impressão… e que vc venha acompanhada, não por precisar de proteção para andar pela cidade, mas para ter uma boa companhia de passeios…

    Um Abraço Teca!

  25. Luciana
    22 de outubro de 2010 às 8:40 PM

    Oi, Lu!
    (Faz séculos que comentava no seu antigo blog, e você chegou a comentar no meu que está parado há tempos é/era o longedascalorias.zip.net

    Dicas para o Rio. Indico o site do Ricardo Freire viajenaviagem.com ele fez uma série de 5 partes no youtube sobre o Rio. http://www.youtube.com/watch?v=3BRQ5u9397c

    Eu moro em Niterói. Não posso dar dicas de hoteis…
    Dei uma olhada por cima do que as meninas já sugeriram…Que tal ir a um ensaio de escola de samba? (A quadra da Unidos da Tijuca, fica bem no Centro do Rio, perto da rodoviária Novo Rio é bem movimentada.)http://unidosdatijuca.com.br/

    Lapa (balada): ir ao Rio Scenarium que é uma mistura de boate e antiquário tem uma programação bacana e diversificada. http://www.rioscenarium.com.br

    Lapa (dia) Se você estiver aqui no primeiro sábado do mês, vale a pena visitar a feira do Lavradio (Rua do Lavradio), na Lapa. Acontece durante o dia há várias barraquinhas e diversos shows de chorinho, samba, etc… (grátis)http://naomemandeflores.wordpress.com/2010/08/13/feira-do-lavradio/
    Se for comer na Lapa, indico o Nova Capela. Tem um bolinho de bacalhau maravilhoso…http://www.lanalapa.com.br/estabelecimentoDetalhe.asp?qiNuEstab=51

    Se vc for a Lapa de dia, você pode aproveitar e pegar um bondinho e conhecer Santa Teresa. Adoro aquele bairro.

    Sorvete: da Mil Frutas (parece a fruta congelada. Ma-ra-vi-lho-so http://www.milfrutas.com.br/

    Concordo com as meninas: Cristo, Pão de Açúcar (acho mais legal do que o Cristo), Ipanema, Urca, Jardim Botânico (tanto o bairro quanto o parque)… gostaria de acrescentar uma volta pela Lagoa. E tomar um chopp no Bar Lagoa (fui lá só duas vezes. Achei meio caro) http://www.barlagoa.com.br/ ou num dos quiosques do Parque dos Patins (um dos meus lugares preferidos no Rio) Amo o quiosque árabe. http://abocanervosa.blogspot.com/2009/01/rabe-da-lagoa-o-bbb-bom-bacana-e-barato.html

    Vi que uma menina comentou sobre a Feira de S.Cristóvão. Faz séculos que não vou lá (a última vez que fui foi antes dela ser reformulada.) Mas deve ser legal. http://www.feiradesaocristovao.org.br/

    E quanto a violência. Ao contrário do que se pensa. Aqui não é um lugar impossível de se andar. Há que se tomar certos cuidados. Mas não vivemos em guerra aqui.

    E se você tiver tempo, pegue uma barca na Praça XV (centro do Rio) e venha conhecer Niterói. Tem o MAC (Museu de Arte Contemporânea) http://www.macniteroi.com.br/
    (Eu acho que vale mais pelo visual do que pelo acervo.)
    E tem a Fortaleza de Santa Cruz. http://www.neltur.com.br/port/aondeir_fort_stcruz.htm
    Se você quiser, a gente poderia se encontrar e eu adoraria te ciceronear aqui em Nikiti. Me manda um e-mail.

    Espero que você aproveite bastante o Rio e as minhas dicas. Pesquisei com bastante carinho.
    Um beijo e boa viagem.

  26. Joara
    19 de outubro de 2010 às 8:48 PM

    Olá!
    Acabei de conhecer o blog e vou pegar carona no pedido de dicas.Vou para o Rio esta semana…algumas das dicas já estam anotadas.

    Abraços a todos,

  27. 19 de outubro de 2010 às 3:02 PM

    Nada a ver com a viagem ao Rio!

    Alguns filmes em espanhol:
    El Hijo de la Novia
    Valentín
    Nueve Reinas
    Elsa & Fred
    Y Tu Mamá También
    Dos Hermanos
    Luna de Avellaneda
    El Abrazo Partido
    El Método
    Hable con Ella
    Volver
    Leonera
    Un Novio Para mi Mujer

  28. andrea
    17 de outubro de 2010 às 1:53 PM

    Lu
    Não consegui comentar no blog superior.
    O primeiro pensamento que temos é que iremos ter amigos e amigas do mesmo jeito nosso, mas como na vida não é assim.
    Graças a Deus só tenho boas amizades mas nem sempre é assim.
    Vou rezar por voce e tenha calma.
    Não faça tempestade por isso , tem coisas mais desagradaveis .
    Fique com Deus.
    com carinho
    sua amiga Monica

  29. 17 de outubro de 2010 às 11:55 AM

    Oí!! e ai conseguiu ir pro Rio? Bem legal seu blog! você fala basntante sobre a Rússia e esse tema me agrada, estive lá em fevereiro, em piter. Continue com seu trabalho parabéns!

  30. 17 de outubro de 2010 às 5:00 AM

    Agora fiquei assustada! Como assim não vai sozinha ao Rio? Você não foi sozinha ao Marrocos? Eu morei até os 28 anos no Rio e sei que a cidade tem seus perigos mas sei lá…Talvez por ter morado lá eu tenha uma visão diferente. Eu sou de cidade grande, Amsterdã continua sendo uma aldeia de pescadores pra mim (mas confesso que me acostumei com a minha aldeia e não saberia mais viver no Rio).

    Eu mesmo quero muito conhecer Istanbul, mas depois da minha experiência sozinha na Tunísia com filho louro (rsrsrsrs), fiquei com medo. Uma amiga esteve em Istanbul e disse que até dá pra encarar sozinha, mas ela não recomenda…

  31. Alessandra Lisboa
    16 de outubro de 2010 às 2:24 PM

    Lu, que bom que decidiu conhecer o Rio, eu como carioca fico mega feliz por isso. Sempre recebo uma amiga paulista que fala q vcs tem muito medo do Rio. Lógico q tem seus problemas como TODA cidade tem, creio que a mídia tb explora muito esse lado “negro” do Rio. Mas, vamos as dicas. Primeiro acho super legal vc ficar hospedada em um hostel no Catete. Duas sugestões: http://www.arthostelrio.com/ e http://www.hostelrepublica.com.br/ ficam colados na estação do Metrô. Segundo, não deixe de visitar o bairro Santa Teresa e andar de bondinho pelos Arcos da Lapa é lindo! E se calhar de vc estiver aqui no primeiro sábado do mês tem a feira de antiguidade na rua do Lavradio imperdível! Samba, gente bonita e comida boa! Qualquer coisa posso até ser sua guia! Beijo grande e boas viagens!

  32. 15 de outubro de 2010 às 6:33 PM

    GENTE, MUITO OBRIGADA PELOS COMENTÁRIOS E DICAS, ESTOU AMANDO !!!!

  33. Ana Claudia
    15 de outubro de 2010 às 4:45 PM

    Oi Lu, mais uma em defesa do RJ…Fico mto contente qdo alguém pede informações/dicas sobre minha cidade!!! Amo o RJ e sou nascida e criada por aqui Nunca morei em outra cidade. Morei em Copacabana até sair de casa p casar aos 20, daí fui pra Ipanema e há 12 anos moro em Botafogo. É claro que amo td por aqui, e que minha cidade é muito mais linda do que qualquer foto que vc já tenha visto, hehe!!! Programe-se para vir no verão, tipo janeiro (se não tiver chuvas, é lindo…com chuva tb, mas perde um pouquinho do brilho pois carioca nào é mto chegado a chuva, e td mundo fica meio murcho…). Agora, prepare-se também para 40 graus à sombra. Calor beira o insuportável, mas é assim que td mundo gosta, céu azul, meninas de vestidos, havaianas nos pés, garrafinha de água na mão, água de côco,essa é a cara do RJ! Reveillon é td e carnaval é mto confuso. Dicas de passeios, nossa, taaaaantos lugares, gratuitos e pagos…praias lindas, parques, mirantes…ar livre é td! Se ficar na zona sul, os lugares mais caros são Leblon, Ipanema e Copacabana, nessa ordem. Mas existem lugares maravilhosos, não tão badalados por turistas, mais acessíveis financeiramente e perto de td tb (metrô, diversas linhas de ônibus, lugares mais centrais e etc), tipo Largo do Machado, Catete, Flamengo e Botafogo. Com relação a transporte aqui, ônibus são mais visados pra assaltos, mas tb não é nenhum fim do mundo…pelo sim, pelo não, escolha sempre por metrô, fora de horários mto cheios tipo, de 08h/09h da manhã – sentido zona sul e entre 17h e 19h – sentido zona norte. Nesses horários, procure fazer trajetos contrários. A zona sul é pequena, td bem perto. Com disposição, Leblon, Ipanema, Copacabana, vc conhece caminhando pela orla. Botafogo e Flamengo tb tem praia, ruinzinhas…bonita mesmo são as pasisagens, caminhar no Aterro (q é onde corro tds os dias de manhã). A Urca tb é mto linda, bastante vento! Largo do Machado e Catete são tradicionais, pequenos e bem movimentados, mto comércio, clínicas. Tem a Lagoa (bairro e lagoa mesmo), Jardim Botânico (bairro e jardim tb), a Gávea (Jockey), São Conrado, e etc. Mas não é só zona sul. Há vários outros lugares, mais distantes, mas alguns tb com metrô que vale a pena conhecer, como a Quinta da Boa Vista (museu e parque), Maracanã, a Tijuca, Feira de São Cristóvão (um Nordeste no RJ!!!) e diversos outros! Acho que vc vai adorar!!! Os cuidados são os de qq cidade, né: atenção ao que carrega nas mãos, nada de máquinas (camera, fotográfica, blackberries, e afins) à mostra, bolsinha sempre na frente, nada de sacar grana em banco/quiosque 24h sozinha, vá dentro do banco de for horário de expediente, olhar pra um lado e para o outro, e no mais, roupinha leve e água. Espero ter ajudado! Querendo mais alguma informação, pode me mandar email a vontade, ok! Bjos!

    • 16 de outubro de 2010 às 11:56 PM

      Ana, eu li seu comentário e me pergunto uma coisa… jura que é ruim sacar dinheiro em quiosque? Que não dá para andar com celular na mão? Cresci indo ao rio e prá ai vou pelo menos 1x por ano, meu pai é carioca e família idem, só que muitos comentaram que RIo é igual à SP, mas eu sempre soube que não é – porque independente do lugar, a gente “sente” quando é perigoso ou não. Só não tinha idéia que a coisa estava desse jeito… o que comprova que o Rio realmente não é igual à SP mesmo… aqui, é quase impossível ter blitz em carros, o policiamente tem bases móveis e andam à pé, de carro, de cavalo e até de bicicleta, é comum andarmos falando ao celular, é comum sacar dinheiro nos quiosques na rua. Tirando os mais idosos que saem dos quiosques contando dinheiro na rua – e que normalmente são mais assaltados do que aqueles que não contam – a segurança aqui ainda é bem maior que no Rio. Mas falta muito para ser considerado super seguro.

      Agora… o que anda acontecendo MUITO aqui em SP, é roubo de cadeirinhas de crianças, aquelas de carro, sabe? Tem ladrão deixando GPS e rádio último tipo dentro de carro, mas levando as cadeirinhas. Triste. Porque isso, agora, é obrigatório. E para comprar tem fila de espera 😦

      Abraço, Juliana.

  34. 15 de outubro de 2010 às 2:20 PM

    Lu querida, cá estou. Parece que adivinhei que você estava em busca de dicas sobre o Rio, minha cidade amada, querida, idolatrada,salve, salve! 🙂
    Amiguinha, dá para entender este receio. O que é propagado, continuamente, nos telejornais etc. assustaria qualquer um. Mas o risco não é diferente de qualquer outra cidade grande do mundo. Não há uma chuva contínua de projéteis, não andamos com guarda-chuvas a prova de balas na rua. Vivemos como todo mundo. Trabalhamos, estudamos, fazemos compras, vamos à praia, ao cinema, ao shopping, aos inúmeros barzinhos e tudo mais. O negócio é não dar mole, como não se deve dar em nenhum lugar.
    Meu filho, carioca da gema como eu, jamais havia sido assaltado no Rio de Janeiro e quando fomos morar, por 2 anos e meio, no interior de SP (Piracicaba), cidade onde na época não se ouvia falar de violências, ele foi assaltado 3 ou 4 vezes, ficou apavorado. É questão de ficar atenta, claro, saber por onde andar e principalmente por onde não investir.
    Fique na Zona Sul, para estar perto das principais praias e há acesso mais fácil para qualquer outro lugar. Eu sugiro que fique em Copacabana ou Ipanema (opção ainda melhor, se puder). Se quiser conhecer a Barra da Tijuca, escolha um dia para ir lá. Aqui há albergues especiais, há hotéis bacaninhas, dos menos caros aos mais badalados e caros, programando direitinho dá para ser.
    O circuito turístico é ótimo, se fizer o ‘be-a-bá’ turístico já vai gostar muito: praias, Lagoa Rodrigo de Freitas, Pão de Açúcar, Corcovado (Cristo Redentor), Pista Claudio Coutinho na Praia Vermelha, Lapa para uma boa farrinha à noite…
    Uma caminhada no Aterro do Flamengo, se houver tmepo, também vale a pena.
    E vindo aqui, trate de me avisar, por favor, quero vê-la ok? Me mande e-mail, eu mando meus telefones, a gente combina.
    Beijos

  35. 15 de outubro de 2010 às 8:41 AM

    Oi Lu,
    muito legal seu site!
    Acabei de criar um p mim, e queria dizer que quero que o meu seja igual o seu quando crescer! rs… Se puder passa lá: http://cabenabolsa.webnode.com.br/

    Mas sobre o Post,
    O Rio é tudo de bom! Minha mãe morou um tempo lá, ai eu sempre ia p passar férias. Como SP tem teatro todo dia e mt barzinho legal! Tem um barzinho chamado boteco belmonte – lá tem O PASTEL de camarão! Td de bom! E esse bar é super tradicional tem em vários lugares..vc acha fácil!

  36. lucia
    14 de outubro de 2010 às 7:18 PM

    aproveite lú o Rio é lindo (inesquecivel)vai adorar beijos

  37. 13 de outubro de 2010 às 6:39 PM

    opa, mas vá pro Rio logo. é tudo de bom lá.
    no meu blog que está em estado semi-comatoso, eu conto algumas coisas que passei no Rio, quando fui da última vez em 2008.
    se vc quiser dar uma olhada, me avisa, que eu te mando o link.

    beijo

  38. Gisele
    13 de outubro de 2010 às 3:33 PM

    Lu,é a segunda vez que comento aqui no bog, a causa é justa: venho em defesa do Rio.
    Sou da região Serrana do Rio, morei no Rio por 4 anos e tenho pela Cidade Maravilhosa um enorme carinho.
    Há viloência? Há. Mas há tanta quanto em qualquer cidade que cresce sem as estruturas básicas (primeiramente educação e cidadania) para tal. Nunca fui assaltada, mas já notei um assalto prestes a acontecer e meu anjo da guarda me livrou desta. Amo menos o Rio? Não!
    Dicas:
    1)Para hospedar-se esqueça a Barra da Tijuca, vale o paseio pelas praias, são lindas, mas é longe de todo o resto e, sim, tem o ar Miami de ser.
    Procure hospedar-se na Zona Sul. Copacabana é um local excelente, não é clichê turístico, tem fácil acesso à outros bairros e é um charme só! (cheque http://www.chelagarto.com http://www.mellowyellow.com.br – se você vier em grupo vale checar a apartamentos por temporada, o custo rateado compensa- ou hoteis mais simples e com custo legal: http://www.angrensehotel.com.br http://www.premier.com.br) Se o custo for alto vale a dica do hotel Formule 1 (rede Accor) no Centro. O lugar é legal e tem fácil ligação com metrô!
    2) Transporte: do Aeroporto Santos Dumont para Copacabana vá de taxi, o custo fica em torno de R$16,00, vale o conforto num primeiro momento no RJ. Do Aeroporto Santos Dumont para o F1 é pertinho, se estiver de Backpack e for de manhã, vá caminhando.
    3) Use e abuse do metrô e das linhas de integração com o metrô (cheque http://www.metrorio.com.br). Dá para ir ao Corcovado, Pão de Açúcar, Zona Sul, Centro só usando este meio de transporte, vale à pena!
    4)A orla do Leme à Ipanema (passando por Copacabana)é linda. Por do sol no Arpoador é lindo. Visitar o Forte de Copacabana dá um visual belíssimo. Um suco nos quiosques da Orla de Copacabana valem a paisagem e( e o design deles, de Indio da Costa- há banheiros limpos no subsolo). Experimente um em frente ao COpacabana Palace!
    5) Gosta de Churrasco ou aprecia peixes diversos? COnheça a Rio Palace, fica na rua ao lado do Copacabana PAlace, o preço é justo!(PS>: faça o cadastro antes no site e ganhe desconto! 😉 )
    6)COnheça a Urca, é um charme! Se quiser fugir do “roteiro turista” chegue ao Pão de Açúcar fazendo um trekking pelo “costão”, a face leste da montanha. Procure empresas que tem guia, (se eu estivesse no RIo eu te levava, “de grátis” rs). O visual é des-lum-bran-te e qd vc chega lá em cima todo turista faz cara de “de onde é que este doido saiu??”. A descida pode ser feita gratuitamente pelo bondinho!
    7) COnheça o Centro do Rio, há o CCBB- Centro Cultural Banco do Brasil, o Museu de Belas Artes, A Biblioteca Nacional e o Teatro Municipal (estes 3 últimos na mesma avenida). O MAM tb é bacana, fica nas proximidades do Santos Dumont.Valem à pena!
    8)Conheça a Confeitaria Colombo!Arquiteura charmosa e guloseimas deliciosas.
    9) Pra quem vem de SP e conhece a 25 de Março a região da Uruguaiana, Alfândega e Saara é coisa pouca em se tratando de comércio popular. MAs vende uns quibes que, se eu não tivesse virado vegetariana, comeria!!
    10) Se for com mais pessoas (pq em grupo é mais legal), conheça a Lapa à noite!
    11) Todo primeiro sábado do Mês tem feira de antiguidades na rua do Lavradio (centro), é bacana.
    12) COnheça o PArque Lage (e tome café por lá) e tb o Jardim Botânico, se vc gostar de natureza.
    13)se Puder, pegue a barca e siga à Niterói, conheça o MAC, linda obra de Niemeyer.
    Há muitas outras coisas bacanas para conhecer, não tema!Aventure-se!
    Se precisar de aguma ajuda, me contate, ok?
    Beijo

    • 13 de outubro de 2010 às 5:20 PM

      Gi, que delícia de comentário !!! super informativo, adorei ! com certeza aproveitarei muito suas dicas, obrigada !!!

      • Gisele
        14 de outubro de 2010 às 3:17 PM

        Por anda, querida, disponha!
        O Rio te espera de braços abertos!
        Bjs

      • Gisele
        14 de outubro de 2010 às 3:19 PM

        Caramba…”por NADA” a pressa é inimiga do teclado rs

  39. 13 de outubro de 2010 às 2:56 PM

    Oi Lu.
    É triste perceber e ver pessoas falando mal do Rio. Como toda grande cidade e como o Estado que é, ele tem seus problemas (como SP, MG, …) mas é lindo. Enquanto ao medo, bem, o medo serve para quem tem medo principalmente de pessoas. Creio que esse não é o nosso caso. Passo metade da semana no Rio e metade na Região dos Lagos.
    Eu ando sozinha, de ônibus, passeio… Te digo que vale a pena. Tenho certeza que vc vai gostar do Rio e dos cariocas. Sou paulista mas fui adotado pelos cariocas. Enfim… Não desanime.
    Afinal, não da pra ter medo de viver né?!

  40. andrea
    13 de outubro de 2010 às 10:05 AM

    Lu
    Já foi pro Rio?
    Tenha uma semana bem alegre. O Rio continua lindo e maravilhoso!
    com carinho MOnica

    • 13 de outubro de 2010 às 10:10 AM

      Oi Monica !!!

      eu ainda não sei quando vou….

      acho que nas férias,no verão

      bjos !

  41. 13 de outubro de 2010 às 9:49 AM

    Lu, bom dia! Nunca comentei no seu blog, mas sempre o acompanho. Sou paulista como vc e já rodei por muito lugar. Conheci todo o litoral sul e norte do RJ, mas sempre pulava a famosa capital, por puro preconceito, falta de informação, sei lá. Mas não me interessava. Até conhecer 3 cariocas num mochilão que viraram meus grandes amigos. Foi inevitável. Fui pra lá em abril e fiquei 5 dias, 4 noites. Saí sozinha de SP e desembarquei meia noite no Stos Dumont. Peguei táxi e fiquei num hostel em Botafogo, sozinha. No dia seguinte, encontrei meus amigos e fui conhecer o que a cidade tem a nos oferecer. Me hospedei em Copa, num hostel bacana perto do metrô e da praia. Fiz de tudo: de noitada na Lapa, ao bondinho de Sta Tereza, ao Cristo, Pão de Açúcar, praias, shoppings, por do sol no forte de Copacabana, ao rodizio de petiscos na beira da praia, enfim. Aproveitei ao máximo. Me levaram para todos os cantinhos e te digo: AMEI O RJ! Claro, é preciso tomar cuidado como em toda e qualquer viagem, mas exterminei todo o meu medo e desejo voltar em breve para fazer a travessia Petropolis-Teresopolis. Se quiser conversar mais a respeito, meu twitter é @aguilera13 ou escreva para meu email. Podemos trocar infos se precisar. Se eu fosse vc, iria certamente! Beijo! Adoro seu blog!

  42. 13 de outubro de 2010 às 9:46 AM

    onde vc vai tem favelado a espreita
    o que aparece de bonito nas novelas é utopia
    o rj é comandado pelo tráfico,é uma cidade sem lei, sem policiamento,o traficante é quem manda e o policial obedece.
    natureza bonita ? há muito mais lugares no mundo que tem a paisagem até mais bonita que no rio.
    rj é lixão mesmo,ñ compensa vir.

  43. 13 de outubro de 2010 às 9:43 AM

    Lu,concordo com a Fabiana. O RJ é uma grande falvela,onde você vai,é perigoso.
    Estou aqui somente por causa do trabalho,não vejo a hora de cair fora.
    Se puder, não venha.
    É um conselho.
    bjão

  44. Luiza Meyer
    12 de outubro de 2010 às 10:24 AM

    Oi Lu, tenho lindas lembranças de infância do Rio… Ia muito à cidade e me divertia demais! Depois de adulta só fui a trabalho 😦
    Depois conta pra gente como foi!
    Beijos,
    Luiza

  45. 11 de outubro de 2010 às 1:52 PM

    Eu também quero conhecer o Rio, mas confesso que tenho o mesmo medinho. Tenho tantos amigos queridos lá, e acabo que nunca vou… ainda hei de fazer um tour por lá futuramente, mas também sem previsão (no money for this right now).
    Quem sabe a gente não vai na mesma época? Seria legal. =D

  46. Fabiana
    11 de outubro de 2010 às 12:48 PM

    Tá de brincadeira né?

    Moro no rj e n aguento mais ficar aqui…………….
    vc tem mesmo q vir?
    não há outra opção?
    se houver não venha, ok?

    Todo o rj é rodeado de favelas…..a estrada lagoa barra tem varias…rocinha, vidigal, mais para o lado da zona oeste, a cidade inteira,….visitar o Cristo sozinha? endoidou de vez……

    Só se vc tiver colete a prova de balas pq o Cristo fica ao lado da favela do Serro Corá que esta ocupada pela PM há meses e tem tiro td santo dia….

    Ipanema onde vc vai ficar s en mudar de ideia…tem o pavao pavaozinho e o cantagalo….td a zona sul fica praticamente dentro da favela….
    a noite as coisas pioram mais ainda ne?
    sugiro blindar seu carro antes de vir…..

    Em todo caso: mt boa sorte pq vc vai precisar e mt……………
    cuidado com falsas blitz apesar de n ter como saber se são PM ou não….

    EU NÃO VEJO A HORA DE SAIR DAQUI !!!!!!!!!!!!!!!!!

    • 12 de outubro de 2010 às 12:14 AM

      puta que o pariu !

    • Nathália
      27 de outubro de 2010 às 9:26 AM

      “Colhega”, onde vc mora? Porque moro em Botafogo desde que nasci, há 26 anos, e não vejo isso que você fala não. Sim, a cidade tem mil favelas/comunidades e problemas d esegurança como qualquer outra cidade do país (e até do mundo)! Só que não é esse terrorismo todo que você diz não. Trabalho no Centro e às vezes volto pra casa a pé. Super tranquilo. Talvez por eu já conhecer, mas é uma caminhada que faria com qualquer outra pessoa. À noite é claro que alguns lugares são mais ‘tensos’, mas nada que impeça da gente se divertir. Lu, vem correndo porque você vai se apaixonar!

    • 30 de janeiro de 2011 às 1:43 PM

      Pois sinta-se livre para ir embora, o Rio de Janeiro definitivamente não precisa de gente como vc.

  47. 11 de outubro de 2010 às 12:22 PM

    Oi Lu,

    Eu negligenciei a regra básica do turista, já que já fui tantas vezes para o Rio que não me sentia mais assim. $$$ e documentos só na carteira porta dolar. Erro primário, acho que o que chamou a atenção dos indivíduos foram duas meninas andando por ipanema a noite com suas bolsas na mão. Eles querem coisas fáceis de serem levadas. Fiquei mais esperta com essa experiência.

    Quanto a máquina se ela não for gigante acho que vale a pena uma pochete ou algo que possa ficar na frente do corpo, como a sacola da própria máquina. A Mochila é fácil de mexer e ser rasgada em filas além de chamar mais atenção. No Brasil, temos que pensar nessas coisas e não é só no Rio, em qualquer grande cidade.

    No mais, minhas experiências no Rio não foram nada demais considerando segurança. Corri em Copacana a noite, fui a bares, passei várias vezes na frente de comunidades. Para comparar fiquei um mês no Norte do México em janeiro e me sinto infinitamente mais segura no Rio. No Rio eu peguei onibus no dia 31/12, inclusive um que vinha lotado da Cidade de Deus, para você ter uma idéia. No Norte do México, como eu só andava com o dono de uma empresa super conhecida na cidade durante a semana, com vários kg de blindagem no carro e cada dia fazendo um caminho diferente, no fim de semana eu ficava trancada no hotel, o pessoal (de lá) não me deixava sair para eu não correr o risco de ser sequestrada ou virar parideira do tráfico. No Rio, é só ter cuidados básicos que qualquer pessoa com alguma noção (não como eu teria) em grandes cidades, como não percorrer grandes distâncias a noite, evitar carregar objetos que chamem a atenção, saber em que áreas você pode ir previamente. Nada que você não faria em SP, por exemplo.

    Beijos

  48. 11 de outubro de 2010 às 9:19 AM

    Oi Lu…

    Eu AMO o Rio… Sério mesmo, estive lá sexta feira e fiquei muito triste de não ter ficado o feriado lá. VALE MUITO A PENA!

    Para as cariocas, não recreminem as paulistas. Acho que vocês não entendem bem o medo que paulista tem do Rio, a mídia brasileira vende uma imagem do Rio de pânico. Tudo que a gente vê do Rio aqui é: tiroteio na linha vermelha, policial que atira em juiz em blitz, helicoptero que é derrubado por traficantes, arrastão no Intercontinental, arrastão em hostels. Violência, Violência, Violência, bem barra pesada. Parece que o Rio é o lugar mais violento do planeta. E você tem que ir para saber que não é bem assim. Mas se coloquem no nosso lugar, vcs iriam para um lugar que é vendido pela mída assim?

    Em um das visitas eu fui assaltada a mão armada (Perdi) em uma das áreas mais nobres da cidade (entre o posto 9 e 10 de Ipanema) No fim, acabou sendo uma experiência nada traumática, deu um trabalhinho depois tirar todos os documentos mas não foi a super violência que passa no jornal. O investigador foi muito bacana (como a maioria dos cariocas é), depois fui para a balada e, quando contava a história, os cariocas me davam a maior força, ofereciam carona de volta, queriam pagar minha balada. Me dá a impressão que eles morrem de vergonha dessas coisas, que para qualquer outra pessoa poderia reforçar essa imagem mega negativa do Rio que a mídia cria. Foi a única vez que fui assaltada e foi lá, mas poderia ter sido em um farol aqui. Não tem nada a ver.

    Bom, voltando a viagem da Lu:

    Se você curte um ambiente muito calmo, super limpo e confortável eu recomendo o quarto coletivo feminino do Crab Hostel, no posto 9 de Ipanema, a uma quadra do famoso posto 9. A localização é impecável, a dona é super neurótica e meio tirana, ou seja, nada de festas e barulho depois das 10:00. É um hostel de velho, hahahahaha. O café da manhã é incluso na diária e é bem gostosinho, as toalhas e roupa de cama também. A dona pode ser meio tirana, mas me deu a maior força durante o incidente do assalto. Virou mãe mesmo.

    Eu adoro o Centro Cultural Banco do Brasil, perto da Candelária. O prédio é de 1800 e pouco, foi o primeiro banco do país e está impecavelmente conservado. Também gosto muito do Palácio do Catete, acho interessante ver um pouco da história do Brasil lá. O Rio tem ótimos Museus, com boas exposições temporárias, como um que fica no aterro do Flamengo e não lembro se é MAC, MIS, MUBE, mas é o mesmo nome de um que tem em São Paulo.

    A visita ao Pão de Açúcar é super faturada e só tem gringo no bondinho. Parece a torre de Babel. Mas a vista é a coisa mais absurda de linda.

    Curto muito a Lapa, apesar de achar que o lugar precisa de uma makeover e mais limpeza. Diversão barata e descompromissada, cerveja gelada, papo divertido. Bem no estilo carioca. As festas também são muuuito bacanas, mas aí tem que conhecer alguém de lá para se “engedrar”

    Já fiquei na Barra em outra ocasião e não recomendo. A Barra é estilo “Miami é aqui”, mas não acho que a Barra seja a melhor representação do Rio. Talvez da parte global, mas o Rio é muito mais que onde fica o Projac. O Rio é lindo naturalmente, concentra muito da história do Brasil no centro, já que foi para lá que a família Real foi no século XIX. E fora que você demora uma vida e gasta os tubos para ir para outras pates da cidade.

    Ando muito de onibus no Rio, apesar dos taxis serem baratos e os taxistas gente boa. Tem o metrô também prático no centro.

    Acho a Lagoa linda de morrer.

    Meu meio de transporte preferido para chegar no Rio é o onibus leito noturno. Eu tenho uns probleminhas com os vôos para o Santos Dummond (trauminha bobo, falei disso essa semana no blog). Para ir da rodoviária, ou do Galeão para Ipanema tem o onibus executivo Real, mas taxi da rodoviária dá R$ 26,00 até Ipanema aproximadamente.

    Beijos e boa viagem

  49. andrea
    6 de outubro de 2010 às 2:20 PM

    Lu
    Pena que minha irmã trabalha muito mas ela é uma verdadeira sincerone. Voce não ia perder nada.
    Vamos a um casamento dia 31 de outubro. Ela vai nos levar em todos os lugares que a gente ainda não foi.
    Mas não perca o corcovado, pão de açucar e o centro do Rio.
    Vá aproveite a praia e tudo de bom!
    com carinho MOnica

  50. Rebeca
    6 de outubro de 2010 às 2:01 PM

    Sou uma carioca que praticalmente cresceu nos EUA. Moro aqui faz 14 anos. Entao quando volto para o Rio faco coisas bem turisticas.

    O que eu recomendo e primeiro a visitar o Cristo e o Pao de acucar.

    Se vc gosta de praias, visite as da
    barra da tijuca. Tem lindasss praias escondidinhas la.

    A ilha do governador e bonitinha e tem um restaurantes de frutos do mar bem na entrad que eh uma delicia

    Se vc quiser conhecer mais a vida do dia a dia tem a feira de madureira e de sao cristovao

    Nao deixe de visitar a confeitaria colombo!!

    A questao da seguranca eh o seguinte: eu sou toda amaericanizada. Visito o rio so usando roupa de marca americana, etc e NUNCA fui assaltada.

    Mas nao ande nem de taxi na rua depois das 10, nao leve uma camera extravagante e nem uma bolsa de alca muito comprida principalmente em copa cabana.

    Se vc quiser ficar num lugar bem seguro, procure um hotel na barra da tijuca. So estrelinha de novela q morra la, e super chique e super seguro. Eh um pouco longe p pegar taxi todos os dias mais vale a pena p nao ser assaltada.

  51. Li
    6 de outubro de 2010 às 9:02 AM

    Lu,só vá pro Rio com um grupo grande ou fique direto com alguém de lá, NUNCA ANDE SOZINHA POR LÁ, não importa a hora do dia.

    Não é como Sampa, onde vc pode ficar sossegada, caminhar e ainda fazer compras. No Rio, se vc fizer isso, vai ser assaltada e o mais provável – assassinada em 2 minutos. Os favelados ficam só te esperando passar, em TODO LUGAR.

    • 6 de outubro de 2010 às 9:09 AM

      Caramba, se eu esperar meus amigos aqui irem comigo ao Rio ,eu não vou nunca, pq eles pensam como vc, acham uma loucura ir pra lá e falam mal o tempo todo. To ferrada hein 😦

      • Vanessa
        7 de outubro de 2010 às 11:39 PM

        Você deve ser uma frustrada para dizer uma coisa dessas ou é uma total sem noção mesmo. Como você tem coragem de falar assimn do Rio de Janeiro? Moro aqui desde que nasci e estou muito feliz com o local onde vivo. Gostaria de saber onde você mora para falar assim.Você deve ter espírito de porco. Prefiro a companhia de favelados. Com certeza é daquelas bobocas que que pensam que São Paulo é uma maravilha de lugar e o Rio é o pior dos lugares. INVEJA TOTAL!!!!!!!!!! iSSO MESMO!!!! INVEJA QUE VOCÊ TEM E TODA ESSA PAULISTADA QUE FALA UMA BESTEIRA DESSA. EU NÃO TENHO PRECONCEITOS. EU NÃO SOU FRUSTRADA E VEJO QUE HÁ DEFEITOS E COISAS BOAS EM TODOS OS LUGARES DO MUNDO. PAPO DE IGNORANTE.

    • 29 de outubro de 2010 às 7:13 PM

      afe, gente. não é tudo isso não. que terrorismo!

    • Nathália
      10 de novembro de 2012 às 9:01 PM

      Meu deus, quanta ignorância e falta de informação!!
      Moro no Rio há 6 anos e não vejo nada disso, pelo contrário, ando por toda cidade com muita facilidade nos transportes públicos e nunca me aconteceu nada.

      Te recomendo conhecer, dentre todos os outros pontos já ditos nos comentários acima o parque lage, próximo ao Jardim Botânico, é simplesmente lindo!!! Para quem gosta de passeios culturais, vá ao Centro Cultural Banco do Brasil, no centro, está havendo uma exposição com obras do acervo do Museu D’orsay e o próprio prédio dispensa comentários, tem uma arquitetura linda. A Casa França e o Teatro Municipal são também boas opções. O que não falta no Rio são opções de passeios.

      Só para lembrar, ninguém comenta sobre a onda de atos de violência que estão ocorrendo em São Paulo, assaltos e tantos outros eventos desagradáveis que existem em qualquer cidade grande.

      Abraços e espero que sua experiência de viajar pelo mundo sozinha não se ofusque por conta de certos comentários.

      • 10 de novembro de 2012 às 10:03 PM

        obrigada pelo comment, Nathalia !! 🙂

  52. 6 de outubro de 2010 às 2:15 AM

    Ah, os pontos de ônibus nos bairros são identificados por “placas” fixadas nos postes de luz. 🙂

  53. 6 de outubro de 2010 às 2:12 AM

    Lú, eu vou ao Rio desde que nasci, pois meu pai é carioca. Bem, tudo o que eu falar aqui vai ser turístico e é claro, redundante, visto que muitos já te indicaram os mesmos programas. Independente do que você fizer, é essencial que você tenha em mente que a cidade tem uma estrutura diferente da de SP, andar sozinha pode ser complicado e o mais importante: é uma cidade turística, então prepare o bolso para fazer os passeios.

    Adoro Ipanema e Copacabana para caminhar, tomar café da manhã no Forte de Copacabana, andar pelo Aterro do Flamengo pra tomar café no Museu, almoçar na Marina, ir à confeitaria Colombo para almoçar ou comer 1 empadinha e tomar um café à tarde, jantar na Barra, sair pra curtir na Lapa, almoçar na laje da casa da dona Léa no Vidigal que dá vista para o Leblon. Já fui no Saara, e achei mais barato do que a 25, embora com menos variedade – mas assim, só iria mesmo se tivesse necessidade de comprar algo e com alguém que conheça, porque é fácil se perder. É fácil tomar bons sucos em toda a capital, pois há muitas lojas que preparam na hora.

    As únicas coisas que eu não fiz foram, pular de asa delta e escalar o morro da Urca. E eu sei que não farei 🙂 Ah, se você conseguisse ir para o Rio em época de show de música no Maracanã, não perca essa chance – o estádio é incrível, é limpo e dá pra ir e voltar de metrô.

    PS. Uma curiosidade é que aqui em SP, reclamamos dos motoqueiros que cruzam em cima dos motoristas, buzinam, parece que são os donos da rua. Lá no Rio, quem faz isso, é motorista de ônibus.

    Bjos, Jú

  54. 5 de outubro de 2010 às 8:57 PM

    Esqueci de dizer da Confeitaria Colombo. Uau. Que lugar lindo!
    Fazer trilha na Floresta da Tijuca…

  55. 5 de outubro de 2010 às 8:54 PM

    Oi Lu.
    Como boa paulista e morando no Rio há 23 anos, posso te garantir que a CIDADE MARAVILHOSA não merece esse preconceito. rs
    A cidade tem seus problemas, claro, como toda grande cidade MAS suas qualidades valem muito a pena.
    Como toda cidade grande, tem suas manhas, seus costumes e o que vale pra outras cidades grande também vale pra cá. Aquelas regras de não dar mole com dinheiro, não andar sozinha, etc…
    A cidade é linda. Os cantinhos escondidinhos, que só os cariocas conhecem, são extremamente encantadores. A cidade funciona de segunda a segunda, os cariocas são simpáticos e hospitaleiros. Em alguns, existe a alma do malandro, mas esse é o encanto daqui. A informalidade também é incrível. O Rio é muito mais colorido quando se anda de forma calma e disposto a se divertir na paz.
    De passeios imperdíveis tem: o corcovado e o pão de açúcar (pelo menos metade de um dia e bastante grana porque as entradas variam de $60 a $100 para turistas). O jardim botânico ($5 entrada), inúmeros cinemas (o cinema mais antigo do Brasil fica na cidade), compras (muito baratas) na Rua do Olvidor e da Alfândega, Arcos da Lapa (a noite, acompanhada por cariocas! Nunca vá sozinha pq é perigoso), visita ao museu da Marinha…
    O interior do Estados (da Rodoviária até Cabo Frio: passagem +- $25, 2:30 de viagem) é incrivelmente lindo. Pessoalmente às vezes acho que é tão encantador quanto a capital. Cabo Frio faz divisa com a pequena São Pedro da Aldeia, Cabo Frio e Arraial do Cabo. Na região (Região dos Lagos ou Costa do Sol) se encontram várias construções da época dos Jesuítas e suas inúmeras igrejas, muito artesanato e mais de 80 praias. Sim, tem praia pra todos os gostos, de todos os jeito, sendo que 95% delas são próprias para banho, ou seja, você vai precisar de biquini! Mas não compre pra viajar e sim durante a viagem, porque em Cabo Frio existe uma rua inteira com fábricas de biquinis- baratos! – que exportam coleções pra todos os cantos do mundo, inclusive pra nossa São Paulo.
    Quando vier, venha de preferência na baixa temporada, assim você não vai disputar espaço com os mais de 1.500.000 turistas que invadem a região na alta temporada. Mas se vier na alta temporada, passe a virada de ano: na praia, descalça e pisando na areia além de escutar ótimos shows durante a festa!
    O ideal seria pelo menos 1 semana de viagem. Mas 15 dias você se tornaria mais uma apaixonada pelo Rio!
    Os albergues são ótimos e todas as cidades tem!
    🙂
    Nossa, tenho muitas dicas ainda.
    Me avise antes de vir.
    Vamos marcar e a gente passeia juntas.
    BjssssSuh

    • 5 de outubro de 2010 às 8:59 PM

      pelo jeito tenho várias amigas cariocas que não sabia !!! 🙂 adorei !!!

  56. ALESSANDRA
    5 de outubro de 2010 às 8:29 PM

    Sou paulistana e devo confessar que nunca tive esse pré-conceito com os cariocas, na verdade gosto mesmo do jeito deles. E lógico tinha uma vontade louca de conhecer o Rj, realizei esse desejo esse ano. Foi uma pena pq fiquei só um fim de semana. Estive em um albergue em bem legal e perto de tudo. Visitei o Jardim Botanico, Cristo Redentor, Pão de Açucar, Lapa e vi um nasecer do sol maravilhoso na praia.
    Pretendo voltar com mais tempo e passar uma tarde em Sta teresa.
    Acho que vc vai gostar!!!

  57. 5 de outubro de 2010 às 7:14 PM

    Bom lá vai!
    Minha ultima viagem foi ao Rio.
    Sou gaúcha, mas me criei no interir de SP, e acho q paulista tem um certo “preconceito” do Rio e dos cariocas…hehehe
    Ai q o Rio não me interessava de jeito nenhum, preferia sempre o Nordeste.
    Mas voltei aos pampas e nos últimos 5 anos houve um levante de gaúchas rumo ao RJ, apaixonadas pela cidade e pelos cariocas, rsrrsrs, elas vão e não querem ir mais pra outro lugar e aqui dá um feriadinho e sempre tenho alguma amiga por lá, sem falar nos namoros a distãncia q estas viagesn renderam…
    Mas vamos lá, eu fiquei em ap, em Copa, se for com amigas dividir um sai muito atraente financeiramente, estes dias vi uma reportagem dizendo q até os estrangeiros estão fazendo uso de aps por temporada, visto q hotéis no Rio são uma facada.
    Hostel não conheço nehum, mas acho q ficar no circuito Copa, Ipanema e Leblon é muito bom visto q nestes lugares é seguro e o acesso a transporte público é ótimo.
    Lá andamos de bus, metro e táxi, o metro é bom, seguro e dá pra fazer muitos passeios iteressantes como os do centro: Museus, bondinho de Santa Tereza, Lapa…
    Santa Tereza é lindo, mas pare no 2º ponto do bondinho é seguro até ali depois começa a ficar perigoso, ali vá até o tradicional Bar do Mineiro e passeie pelo bairro, há o Museu Chacara das pedras no Parque das Ruinas, que tem uma vista incrível, vá de dia.
    A Urca é um bairro legal com vista incrível legal a tarde também.
    O Jardim Botãnico que fomos de bus é bonito, mas achei mal cuidado, esperava mais dele, mas as palmeiras imperiais são um espetáculo indescritível, dá pra ver o Cristo ao longe.
    A Confeitaria Colombo é ótima, comida boa, lindíssima, atendimento deixa a desejar… mas vale a pena, ali no Centro também vá ao Real Gabinete Portugês de Leitura vale muito a pena.
    Bom quanto a praia Copacabana não é o canal, muitos idosos e uma galerinha do morro, uma grande mistura um tanto quanto “perigosa” visto q é praia de turista.
    Indico pra tomar um sol e uma caipirinha, as do Rio são as melhores do mundo!!! Não sei se é o clima, a beleza da cidade ou a bebida mesmo, rsrsrs, voltando a praia: Leblon e Ipanema tem gente bonita e legal, mais tranquilo. Ah tem os lances dos postos também que cada posto tem um tipo de tribo.
    A noite indico a Lapa e seus inúmeros botecos, lá também tem o Rio Scenarium q vale muito a pena, gente bonita, vários ambientes, e uma decoração ímpar, passeio de turista.
    Num circuito mais alternativo vá à Casa Rosa, samba de roda de 1ª, começa cedo por volta das 18h, costuma ter uma feijoada num ambiente da casa, o lugar é bem diferente, mais locais do q turistas…a casa é um antigo “puteiro” e conserva a arquitetura original, qdo vc entra num corredor rosa pensa: onde é q vim parar!!!, mas qdo sai do corredor ve o q a casa oferece, tudo muito rústico mais de qualidade, gente interessante e o samba…muito bom, fica no bairro de Laranjeiras q é uma grça também.
    Estes dois lugares vc acha na net e pode conferir a programação e horários no site dos respectivos.
    Bom o resto é o tradicional.
    O q eu tinha de dica diferente taí, aproveite!!!
    Bj

  58. 5 de outubro de 2010 às 3:37 PM

    Houve um tempo q falar do Rio seria tão facil, só fechar os olhos e o mapa se fazia. Morei lá por dois meses e fiquei apaixonada pela cidade. No inicio eu andava abraçada na bolsa…kkk…bobagem! Tem um pto q adoro na Marina da Glória. De lá se vê o aeroporto Santos Dumont (e os aviões q parecem q vão pousar no mar), o Cristo, o Pão de açucar e o aterro do Flamengo. Se tiver um tempinho faça uma visitinha lá por mim…um por do sol, uma água de coco…ai Brasil!!! =)

  59. Mari
    5 de outubro de 2010 às 2:44 PM

    Eu me apaixonei pelo Rio antigo, pelo casario, pela ligação direta com nossa historia que vc vê em cada cenario.
    O Palacio do Catete, com seu jardim incrivel, onde num sabado pela manhã enquanto esperava o horário de abertura do museu, me deparei com dois senhores e duas senhoras tocando violão e cantando musicas como Barracão, etc…
    O palacio da republica, suntuozíssimo.
    As ruas antigas como de Arco dos Teles, onde eu a cada instante imaginava que iria me deparar com uma sinhazinha carregada por escravos… as ruas estreitissimas…
    O Saara ( a 25 de Março deles), onde encontramos um café antiquissimo, com prateleiras negras até o teto e propagandas nas paredes, do século retrasado… Até desisti de ir na Confeitaria Colombo depois de ter achado esse lugar. Te devo o endereço…

    Os arcos da Lapa, a noite. Aproveitamos o sinal fechado para descermos do carro e tirar uma foto correndo. (Sabe como é, apesar de paulista, o medinho da violencia…).
    Sem falar nas praias maravilhosas da zona sul, a prainha… quase desertas no comço da semana e limpinhas…
    Passar em frente ao apartamento do Roberto Carlos na Urna, apesar de ningem nunca vê-lo…
    é isso…. voce vai amar!!!!

    • 5 de outubro de 2010 às 2:52 PM

      ai que delícia gente !! estou me deliciando aqui com os comentários…me falem mais, adoro !!

  60. 5 de outubro de 2010 às 2:04 PM

    oi Lu

    Amo o Rio de Janeiro mas fui lá apenas duas vezes e faz moooito tempo. Fiz o feijão com arroz: Cristo, Pão de Açúcar, Jardim Botânico, Arcos da Lapa, Floresta da Tijuca e o bairro de Santa Teresa. To enchendo o saco do maridón pra gente ir (ele não conhece os pontos turísticos do Rio, pois só ia lá a trabalho!).
    Tenho uma amiga blogueira carioca, que talvez vc conheça: http://www.vivis.sabrisweb.com.
    Beijinhos e boa semana

  61. 5 de outubro de 2010 às 1:22 PM

    Bom tenho uma amiga que foi recentemente, ela visitou o Cristo Redentor, Pao de Açucar, Jardim Botanico, Lagoa Rodrigo de Freitas, Praia do Arpoador eo Forte de Copacabana.
    Ela indicou o hostel Copa Hostel… http://www.copahostel.com.br/
    Ela tb disse que dá para fazer mutos passeio a pé…
    Quando você for, eu irei junto hein… rs

    • 5 de outubro de 2010 às 2:55 PM

      o hostel Copa é muito fofo !!! adorei

  62. 5 de outubro de 2010 às 12:41 PM

    Bom, a primeira dica é me avisar quando vc vem (rs), juro! Assim marcamos um jantarzinho, um lanche, algo do tipo e passamos de virtuais para presenciais. Tem albergues muito charmosos nos bairros da zona sul, que acho mais centrais para conhecer o RJ. Em Copacabana, aonde moro, tem um na Nsa Sra de Copacabana (puts, não sei o nome), tem no Leblon e Ipanema, todos bem charmosos e sempre cheio de jovens de vários países. O Rio Rio mesmo, em termos de passeios, tem os pontos turísticos tradicionais, Pão de Açúcar, Cristo Redentor, praias, Fortes do Leme e de Copacabana … agora se vieres com tempo de conhecer praias próximas, são várias opções. Arraial do Cabo, Cabo Frio, Búzios… depende de quanto tempo pretende gastar por aqui. Dê notícias de seus planos em terras cariocas!

  1. No trackbacks yet.

Adoro comentários ! respondo todos :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: