Início > Argentina, Buenos Aires 2011, RoteiroBuenosAires > Balanço Argentina 2011

Balanço Argentina 2011

Ok, já conhecia Buenos Aires de outros carnavais….Mas dessa vez foi diferente. Somente esse ano ( demorou..) eu decidi vir para Argentina para estudar mesmo, estudar/melhorar meu espanhol, e me matriculei em um curso que tinha aulas todos os dias, praticamente o dia todo, coisa que tomou muito meu tempo aqui, totalmente esperado…Queria mesmo algo que fosse intensivo. Estava com esse pensamento na cabeça, vir pra cá e estudar !!! pois os lugares turísticos eu já conhecia praticamente todos.

E foi assim ! também…

Também foram passeios incríveis, diversões, saídinhas, bebidinhas e amiguinhos novos, como sempre.

Só digo uma coisa, só dessa vez, ficando aqui o mês inteiro, acordando cedo e indo para a escola todos os dias, lendo os jornais argentinos, assistindo aos programas de TV , indo ao Supermercado todo dia, eu pude realmente viver um pouco da cultura daqui. Não fui turista, fui a experiência. A experiência curta de viver em Buenos Aires.

E a experiência é tão boa que você já começa a defender o páis que não é teu. A cidade que não é tua.  E por isso também quis ficar morando no mesmo lugar, para me “pertencer” mais naquela região. Muitos viajantes me perguntavam por que eu não testava outros Hostels…? mas eu queria a sensação de pertencer ao lugar…Sabe quando você sai na rua e o vizinhos já começam a falar “bom dia”…”como está” ? é um sentimento bom, um sentimento de vivência mesmo. É isso que estava buscando. E consegui. E adorei.

Considerações BEM realísticas sobre o país e Buenos Aires — Gente, a economia da Argentina está um lixo e o povo está muito pobre. O país está miserável, realmente. A inflação não para de subir e os preços estão muito altos,por isso, brasileiros que viajam para fazer compras, não vão à Buenos Aires. Muitos mendigos, muito lixo nas ruas, gente pedindo o tempo inteiro, realmente, desde 2001 , o país vem enfrentando crises após crises. A situação está feia e nunca vi uma Argentina tão pobre como vi agora. Mas, se vc é o tipo de brasileiro q vai à Buenos Aires para ficar em Palermo e Puerto Madero, aí só encontrará gente linda bebendo café da Starbucks.

Vamos aos números ?

Duração : 1 mês

Numero de posts : 47 posts !!!

Países : 2 – Argentina, Uruguay

Oceanos : 1 – Atlântico. ( viva o Atlântico ! )

Rios : 3 – Rio de la Plata, Rio Uruguay, Rio Carapachay, Rio Espera

Transportes : avião, barco, ferry, ônibus e um taxi lotado com 7 pessoas dentro.

Primeira língua oficial do país : espanhol

Segunda língua oficial do país : portunhol

Terceira língua oficial do país : “brasileiro”

Hostels : 1 – Hostel Colonial

Medialunas : inúmeras, todas as manhãs, é só que tem…:(

Alfajores : pouquíssimo !!!! o doce de leite é realmente muito doce.

Quilmes : várias…( q saudades )

Chopp de bar : 4

Momento amigos para sempre : um monte !!!

Cartão Postal : 1 – para meu amigo/irmãozinho russo Dmitry ( tá chegando, Dima !!! )

Cartas : nenhuma ( cara, eu tenho facebook ! )

Colírios : porteños em Palermo

Filme : El hijo de  la novia

Músicas : Las Pelotas, Los Tipitos, Project GOTAN, Dread Mar

Meu cheiro : Femme Individuelle – Mon Blanc, CH – Carolina Herrera

Cheiro que me persisitia : insenso das ruas ( de novo ! )

Outro tipo de cheiro (?) : dos franceses do Hostel

Declarações Psicopatas : 1 – poema

Beijos amigos : muitos…( povo beijoqueiro ! )

Testemunha de briga : 1 – a qual levou a expulsão de uma pessoa no Hostel..rsrsrs

Momento irritante : brasileiras reclamando de tudo e sentindo a maior falta do mundo do arroz e feijão….!! ( putz…vá cagar, né ? sair do Brasil para ficar procurando arroz e feijão ??? brasileiro tem que comer muita grama ainda.. )

Momento desespero : quando queriam me mudar para o quarto dos franceses fedidos

Momento barraco : quando queriam me mudar para o quarto dos franceses fedidos.rs

Momento “eu mato esse hijo de puta” : quando o Paquistanes deletou todas as fotos da camera do Miguelito

Momento “coma diabético” : sorvetes FREDDO e docinhos de padaria da mãe da Sheilli

Momento intelectual – engraçado – nada politicamente correto : aulas da escola Ibero com Alejandro !

Momento sorte : voltar de primeira classe , pela British Airways

Momento ânsia de vômito : ouvir Restart cantando em espanhol nas rádios de Buenos Aires

Momento “porra ! eu falo espanhol!!!” : qdo os comerciantes viam q eu era brazuca, e começavam a falar portunhol comigo…afff

.

.

.

.

.  e muito mais !!!!

Gracías Argentina !!!

————————————————————————–

PS. Todos trazem Alfajores pra casa, eu não. Trouxe uns petiscos agridoces que adorooooo !!!

CLIQUE AQUI para ver TODOS os pots sobre Argentina

Anúncios
  1. izabel
    3 de novembro de 2015 às 6:27 PM

    Fui em março/2010 para Buenis Aires.Eu já era apaixonada pela capital e os argentinos desde pequena, mas só neste ano citado pude ir.A viagem de ida parece ter durado somente 5 minutos, de tanta vontade de chegar Fiz amizade com muitas portenhos antes de ir, pela internet, ótimas pessias, cultas, bonitas e receptivas.Me buscaram no hote em P.Madero, me levaram pra casa deles, tomamos quilmes c/ pizza.Amo os argentinos, adoro os portenhos e sou incha del B.Juniors.Saudades,Aun volveré, tengo fé.Parabéns pra você.Gostar de B Aires é ser culto.Beijos.

  2. 30 de agosto de 2012 às 3:34 PM

    Very nice post. I just stumbled upon your blog and wished to say that
    I have truly enjoyed browsing your blog posts.
    In any case I’ll be subscribing to your rss feed and I hope you write again soon!

  3. 30 de janeiro de 2011 às 12:27 PM

    Lu!! Muito legal seu balanco da viagem, acompanhei os posts e fiquei com muita vontade de voltar a Buenos Aires!!!! Beijos

  4. 30 de janeiro de 2011 às 10:19 AM

    Amo a cidade, tento ir pelo menos uma vez por ano… assim que for possivel passo um mês estudando como vc e tenho planos futuros de comprar mesmo um ap por lá.
    Minha casa fora de casa sem dúvida nenhuma!

  5. daniele
    29 de janeiro de 2011 às 9:47 PM

    Olá, admito que segui toda sua viagem, sem nenhum comentário, e concordo com vc… me apaixonei pela cidade. Estive lá este mes e foi minha primeira viagem para fora do Brasil, mas ja deu pra ficar indignada com a falta de organização que temos aqui. Sou de Curitiba, e me apaixonei pelos onibus e metros, pelos parques e pela educação das pessoas. Parabéns pela viagem e pelo blog.

    • 29 de janeiro de 2011 às 9:49 PM

      Obrigada, Dani ! volte sempre

      e se quiser, leia os arquivos de outros países

      bjos

  6. Ana Maria
    29 de janeiro de 2011 às 6:33 PM

    Oi Lu! A última vez foi no ano passado. Só lembro do centro de Buenos Aires com poucos mendigos lá pelos anos 90, depois disso cada vez tem mais favelas, pobreza, assaltos e gente pedindo dinheiro. A minha irmã mora há uns 3 anos em Córdoba e também é a mesma coisa.

  7. marta
    29 de janeiro de 2011 às 6:20 PM

    Eu sempre entro no seu blog, e morro de vontade de virar mochileira tb, conhecer esse mundão. Uma duvida: como vc consegue viajar tanto, vc guardou uma grana pra fazer tudo isso? tipo: alguem te ajuda???VC se programa muito antes??? desculpe as perguntas, to curiosa, rsrs

    • 29 de janeiro de 2011 às 6:28 PM

      oi !! tudo bem ?
      eu trabalho e guardo dinheiro. Não gasto com outras coisas e não tenho q ajudar familia e nada.
      bjos !!!

  8. 29 de janeiro de 2011 às 11:53 AM

    pois é ! em SP tem lojas imensas da Havana e outras marcas, para que trazer mais ?risos

    e pra falar a verdade, não gosto de alfajores.

  9. 29 de janeiro de 2011 às 11:35 AM

    Adorei o resumo! Já encontrei muitos brasileiros desses. Um porre!!

    Adoooro ver brigas dos outros. É bem divertido!!!!!

    Eu não trago alfajor, compro aqui! kkkkk Pelo menos aqui no sul é fácil achar alfajores argentinos e uruguaios por preço bom. Eu só gosto do doce de leite de lá e aqui tem em qualquer supermercado.

    Ahhhhh!!! Nos próximos meses vai ter muito livro para o teu outro blog!

    • 29 de janeiro de 2011 às 11:58 AM

      Ana, faz qto tempo q vc ñ vai pra Argentina ?

      pq olha, a pobreza e a miséria me assustou…

      nunca vi Argentina tão miserável e pobre como agora.

      • 29 de janeiro de 2011 às 12:00 PM

        até me esqueci de dizer isso, vou incluir nesse post.

  10. Angelo
    29 de janeiro de 2011 às 11:12 AM

    Adorei seus comentarios prima ,e ri muito a respeito do arroz e feijao !!! Muita pobreza desse povo que nao se integra ao local e seus costumes !! Bjao

  1. No trackbacks yet.

Adoro comentários ! respondo todos :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: