Início > Blá blá blá, Brasil > Brasil é o 48º melhor país para viver, afirma Newsweek

Brasil é o 48º melhor país para viver, afirma Newsweek

O Brasil é o 48º melhor país do mundo para viver, segundo o primeiro ranking de 100 nações publicado pela revista Newsweek. Entre os países da América Latina e do Caribe, o Brasil perde nesse quesito apenas para Jamaica, Argentina, México, Uruguai, Peru, Costa Rica e Chile – o mais bem colocado da região, no 30º posto da lista. Por outro lado, o Brasil supera seus colegas emergentes do Bric (Brasil, Rússia, Índia e China).

Para formular o ranking, a Newsweek cruzou indicadores de cinco categorias – educação, saúde, qualidade de vida, competitividade econômica e ambiente político – e convidou laureados analistas, como o economista Joseph Stiglitz, Prêmio Nobel de 2001.

O país campeão foi a Finlândia, seguido pela Suíça e pela Suécia. Os Estados Unidos aparecem em 11º lugar, desgastados por duas frentes de guerra e pela crise econômica. Mas estão na frente das três potências europeias – Alemanha, Inglaterra e França.

PS. Estamos depois de México, Peru, Costa Rica , Jamaica e Argentina !!!!????? affff…a coisa ta feia então !!! rsrsrs…fala sério !

Anúncios
Categorias:Blá blá blá, Brasil
  1. davi
    12 de outubro de 2012 às 8:26 PM

    ESTAMOS MELHORANDO APARECENDO MELHOR NA FOTO

  2. victor
    9 de fevereiro de 2012 às 7:31 PM

    marina tem certeza que aqui n tem tanta poluição?

  3. Marina
    21 de dezembro de 2011 às 1:44 PM

    Gente , isso é uma injustiça ficar atras, do mexico e Da Argentina esses paises são piores do que o brasil me poupe . eu acho que o Brasil deveria ficar em 4 lugar pelo #FATO da qui ser o paraiso tipo , aqui não tem muita poluição, não tem tsunami, nem furacão, aqui é tudo de bom soó que eles são burros, mexico é o pior pais affs ‘ argentina nem se fala cruzes , essa pesquisa está toda errada bando de burros.

    • Pedro
      10 de maio de 2013 às 12:43 PM

      educação, saúde, qualidade de vida, competitividade econômica e ambiente político Olhas os quisitos

  4. 19 de agosto de 2010 às 8:22 PM

    Hummm… atrás do México? Eu imagino que essa pesquisa utilize a famosa média aritmética para chegar no resultado, visto que eles devem ter levado em consideração Cancún e Acapulco mais do que Cidade do México e Monterrey, e o país tem um território menor do que o brasileiro.

    Da mesma forma, levando-se em conta o pólo sul brasileiro (os estados mais ricos da nação) ainda temos 2/3 de país que está deixado de lado e que foi analisado também.

    Concluindo, média aritmética é foda 😦

    Bjos, Jú

    • 19 de agosto de 2010 às 11:00 PM

      pois então ! na hora eu pensei na Cidade do México, que é a mais trash de todas….

  5. 19 de agosto de 2010 às 6:57 PM

    Você escreveu o que eu pensei: “A coisa tá feia!”

  6. Ana Paula
    19 de agosto de 2010 às 6:47 PM

    Atrás da Costa Rica eu tinha certeza que a gente tava.
    Mas é engracado, esse semestre eu estou fazendo intercâmbio na Universidade de Lund, na Suécia, e me surpreendeu muito a quantidade de chineses e indianos por aqui, mas muitos messsssssmo!
    Eu sou a única brasileira (que na verdade está vindo representando a Dinamarca) e da América do Sul só tem alguns venezuelanos, de resto mais ninguém! Nessas horas a gente vê o quanto o Brasil ainda está milênios atrás quando o assunto é educacão. A China e a India passarão a perna no Brasil muito em breve porque investem muito mais na formacão dos jovens (eu acho). Ou por qual outro motivo poderia ser?

  1. No trackbacks yet.

Adoro comentários ! respondo todos :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: